Seguidores

16 de ago de 2007

dormi


Não quero mais sonhar.
Sempre dói.
Quero só dormir.
Dormindo dessa forma não se sonha.
Quero dormir no lixo.
Ao menos ele é mais humano.

O amor deve estar aonde menos esperamos:
nos caixões
nos defuntos
na podridão
no lixo
no vomito
comamos vomito alheio!

Leandro Borges

Nenhum comentário:

Creative Commons License
Poesya, não burguesia! by Leandro Bastos Carneiro Borges is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License.
Based on a work at poesyas.blogspot.com.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://poesyas.blogspot.com/.